Publicação Especial da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia - SBN

Edição 01 • Setembro de 2018

Palavra do Presidente

UM LEGADO PARA AS
PROFISSIONAIS BRASILEIRAS

“Quando assumimos a gestão da SBN, nos deparamos com enormes desafios a serem enfrentados. Alguns mais urgentes, como a defesa do exercício profissional. Naquele momento, houve uma reforma estatutária, definindo que os Departamentos da SBN seriam dedicados exclusivamente ao estudo de patologias neurocirúrgicas, motivo que levou a extinção do Departamento de Mulheres Neurocirurgiãs.

Apesar de entendermos a filosofia dessa mudança do estatuto, não concordamos com o fato de não ter sido criado uma estrutura alternativa para representar as mulheres dentro da própria SBN. A pouca relevância que era dada a essa questão dentro da entidade muito nos incomodava. É impossível não compreender que há questões relevantes, particulares do gênero feminino, que se não forem devidamente abordadas, podem levar à desvantagens competitivas para as mulheres. Apenas para ilustrar, até pouco tempo atrás, mulheres não eram bem recebidas em alguns serviços de neurocirurgia do país.

Dr. Ronald Farias

Presidente da SBN

Essa obra, por sua magnitude extrapolará os
muros da sbn
e servirá de referência
para mulheres
e profissionais de outras áreas
da medicina.

Diante disso, esse tema passou então a se tornar mais um dos desafios a ser enfrentado no início da gestão. Uma solução alternativa passou a ser debatida entre os círculos formadores de opinião da Sociedade. Foi então desenhada a proposta de criar uma comissão específica para abordar esse assunto, surgindo assim a Comissão das Mulheres Neurocirurgiãs, introduzida no Estatuto Social da SBN, após aprovação em nova reforma estatutária no dia 13 de outubro de 2017.

Essa Comissão já nasceu com uma prioridade: convencer uma sociedade formada majoritariamente por homens (mais de 90%) a falar de assuntos relacionados ao gênero feminino, e que sempre foram relegados ao segundo plano, inclusive com o questionamento sobre a necessidade de discuti-lo dentro da SBN.

Mais do que criar a Comissão no Estatuto, se faz necessário fomentar as condições para o desenvolvimento de suas ações. Daí, surgiu a ideia de publicar uma edição especial da Revista SBN Hoje, dedicada exclusivamente às mulheres neurocirurgiãs.

Esse projeto foi delegado às doutoras Mariangela Gonçalves, editora dessa edição especial, e Nelci Zanon, uma das pioneiras na defesa do tema dentro da SBN, com apoio do Departamento de Comunicação da SBN e da equipe de Jornalismo da empresa Predicado Comunicação, que nos presta serviços.

E o resultado, que os sócios terão a oportunidade de conferir, é um trabalho primoroso, abrangente, minucioso, mas de fácil leitura.

A Revista aborda os diversos aspectos relacionados à questão e explora o pluralismo e a diversidade com entrevistas e depoimentos de várias neurocirurgiãs, residentes e estudantes de medicina, do Brasil e de vários outros países.

Essa obra, por sua magnitude extrapolará os muros da SBN e servirá de referência para mulheres e profissionais de outras áreas da medicina e do conhecimento a se espelharem e lutarem pelos seus merecidos espaços.

Viva as mulheres neurocirurgiãs! Vida longa a elas para cuidarem, com dedicação e carinho, da imensa população brasileira que tanto necessita.

Sociedade Brasileira de Neurocirurgia
Rua Abílio Soares, 233 CJ.143 – Paraíso –
CEP 04005-001 São Paulo/SP
Telefone: (11) 3051-6075 e-mail: sbn@sbn.com.br
portalsbn.org/portal

produzido por Predicado Comunicação